segunda-feira, 29 de outubro de 2012

domingo, 28 de outubro de 2012

sábado, 27 de outubro de 2012

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Sob teu mundo, sem nada saber sobre ti...





Por sobre mim,
uma espécie de céu
sob tua cama, um cãozinho
especial, racional  e tão ao léu;
quase nada ama-se à si mesmo,
sempre à observar teus pés quando
se vai, espreguiça-se, e prepara teus
"se's" à quem mais te lisonjeia, e a
trata bem. Como uma cascata particular,
às costas teu cabelo cai, há muito, muito
tempo sem lar, sem um peito pra morar,
e sem jeito pra dizer ao menos o quanto
te olho, termino a madrugada ao relento
do teu esquecimento, aqui fora chove, me
molho, volto pra debaixo da tua cama já
quase amanhecendo, mal cochilo, e cê já
vai saindo outra vez, a visão da tua nuca
é a minha mais perfeita definição de "nunca"
 

domingo, 21 de outubro de 2012

sábado, 20 de outubro de 2012

Se eu tivesse previsto...





 Sei, nem lhe interessa,
e tem essa tal pressa tua
de viver, mas se um dia
quiser vir ver, baby, saberás
que não é frescura, e o que
trago no peito não é uma mera
rachadura, é um estrago, uma
verdadeira cratera!
Quisera ter previsto, perdão,
nunca teria te visto na vida,
nunquinha teria lhe conhecido,
e não esporadicamente sinto-me
esquecido, mas pensando bem,
você é só mais uma ferida, tipo,
alguém que realmente não me
faz bem, e mais o vazio que me
trazes, pôrra, serve apenas pra
que eu queira desesperadamente
fazer as pazes comigo mesmo,
dispenso teu cinismo, amor, quem
sabe um dia, mas não zombes desse
pobre menino, Dona noite, tenho
pretexto, e motivo de sobra pra melancolia!
 

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

sábado, 13 de outubro de 2012

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

sábado, 6 de outubro de 2012